Pular para o conteúdo principal

Tendências: Acessórios de Moda Outono / Inverno na Ginástica Rítmica

Essa temporada Outono e Inverno está vindo com muitas tendências na ginástica rítmica, onde várias ginastas trazem aos tapetes acessórios que voltam com tudo e não se tornam fora de padrão para os modelos que as delegações apostam nas competições.



Acessórios dão um charme especial na composição da série mesmo sendo simples podem atrair muitos olhares para o detalhe minimalista, gerando elegância e delicadeza nas apresentações. Vamos conferir as tendências dessa estação:

 Presilhas de cabelo

São acessórios que muitas ginastas apostaram em deixar um toque diferenciado no cabelo, sempre que puder inovar utilize modelos que não possam soltar-se com facilidade do cabelo e nem despedaçar durante a apresentação.








 Tiara de cabelo

A tiara de cabelo foi uma tendência forte na equipe russa, deixando a coroa de flores falar sobre a cultura Matrioska nas apresentações.






Nicol Rupretch transformou seus cabelos como tiara ao usar acessórios de mini prendedores de cabelo com strass.

 Luvas

Uma das peculiaridades da Ex ginasta norte americana era a presença de luvas em a maioria dos seus looks ajustando mais a uniformidade com os braços e mãos. Esse método também foi adotado pela Neta Rivkin em 2012.






Pérolas 

O perolado mostra a realeza dos collants quando trabalhado com cores em tom pastel sobressaem com muito mais elegância e vigor.




Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Tendência: Collants tipo Body

Uma tendência que foi estréia na ginástica rítmica e nos últimos anos voltou com tudo, foi os collants tipo Body, que é um leotard sem saia. A vantagem deste tipo de vestimenta dá mais liberdade e conforto durante a competição sem incomodar ou preocupar-se com os caimentos, até mesmo a limitação das pernas como se usasse um tipo macacão.


Looks de Gr inspirados em personagens

Hoje vamos ver os leotards inspirados em personagens de filmes, que chamaram muito a atenção do público nesses últimos anos. Relembrando personagens icônicos e ídolos do cinema internacional que marcaram gerações que até hoje encantam jovens e crianças através da ginástica rítmica.

Começando pelo time da Hungria (HUN) a performance do conjunto sênior representa a Mulher Maravilha que é representada a performance através da música que foi trilha sonora do filme estreado em 2017.

Ayrton Senna e a Ginástica Rítmica

Este ano completa 25 anos da morte do ilustríssimo corredor brasileiro Ayrton Senna, infelizmente o Brasil chorou e parou com a morte de uma pessoa incrível que ele era a ponto de causar uma paralização do Brasil com a sua história de vida.